PT | EN

AVALIAÇÃO DAS CONDIÇÕES DE DURABILIDADE ESTRUTURAL

O estado de corrosão das armaduras pode ser avaliado através da medição do potencial eléctrico das armaduras e da resistividade do betão em ensaios conduzidos sobre a estrutura.

O ensaio de determinação do potencial eléctrico das armaduras, realizado segundo a norma ASTM C876, consiste na medição do potencial electroquímico, potencial eléctrico de um metal relativo a um eléctrodo de referência, medido sob condições de circuito aberto. Esta norma americana propõe um critério de interpretação que relaciona os valores do potencial eléctrico com o risco de corrosão das armaduras.

A medição da resistividade eléctrica permite por um lado avaliar a uniformidade do betão, detectando eventuais vazios decorrentes de uma compactação desajustada e, por outro lado, avaliar o risco de corrosão das armaduras. A medida da resistividade de uma estrutura exposta a cloretos é um indicador de corrosão, uma vez que um valor baixo da resistividade está relacionado com uma maior facilidade de penetração de cloretos e uma taxa de corrosão mais elevada, após a despassivação da armadura.

Estes ensaios, relativos à durabilidade, deverão ser complementados com ensaios de determinação do teor de cloretos no betão e da profundidade de carbonatação.

Estão actualmente disponíveis sistemas que permitem monitorizar a profundidade de penetração dos agentes agressivos nas estruturas de betão, e prever o início da corrosão das armaduras.
 



©2009 NewMENSUS, Lda.