PT | EN

ENSAIOS DE CARGA

No final da construção de uma obra, a condução de ensaios de caracterização do comportamento tem como objectivos principais a aferição e validação dos modelos numéricos, a avaliação das condições de segurança e de integridade da estrutura e averiguar a conformidade da estrutura executada face aos pressupostos subjacentes ao projecto. Durante estes ensaios é observado o comportamento da obra face a um conjunto de acções estáticas e dinâmicas.

Com vista à caracterização do comportamento estático são conduzidas provas de carga, são definidas linhas de influência e é observado o efeito das acções ambientais. Nestes ensaios é caracterizado com o máximo rigor a acção e os respectivos efeitos induzidos na estrutura. Para a caracterização do comportamento dinâmico podem ser realizados ensaios de vibração ambiental, e ensaios de vibração forçada.

Em estruturas existentes coloca-se frequentemente a questão de determinar as condições de segurança em que estas são utilizadas. As incertezas decorrem do envelhecimento dos materiais estruturais, da eventual ocorrência de danos, da alteração das condições de utilização e das novas exigências de segurança. Nesta perspectiva, devem ser conduzidas provas de carga sempre que estejam em causa as condições de segurança da estrutura, e a utilização dos modelos numéricos não seja conclusiva.

Em qualquer dos casos a interpretação e análise dos resultados dos ensaios de caracterização do comportamento estrutural deve sempre ser feita com base num modelo numérico, devidamente ajustado e calibrado.

Para o acompanhamento destes ensaios é instalado especificamente para o efeito um sistema de medição, definido em função da obra em causa e das grandezas consideradas relevantes.
 



©2009 NewMENSUS, Lda.